QUARENTENA: mitos e verdades

É muito importante que a mulher tome alguns cuidados após o parto para que sua recuperação seja mais rápida e segura, mas para isso é preciso deixar mitos de lado. Quarentena ou resguardo são nomes populares para designar o puerpério, etapa da vida da mamãe que começa depois do nascimento do bebê. Além dos cuidados com o novo membro da família, a mamãe precisa também cuidar da sua recuperação pós-gestação e pós-parto. Existem verdades e mentiras em torno dessa fase. O ideal é procurar o seu médico  para que todas as dúvidas sejam esclarecidas. A região onde a placenta se encontrava ficam pequenas feridas que se cicatrizam durante o puerpério. Se esse período não for respeitado, as feridas não cicatrizam e a mulher corre o risco de ter uma infecção. Febre é um sintoma de infecção. Se isso ocorrer, vá imediatamente ao médico, recomendação feita também caso o sangramento normal após o parto não diminuir até o 40º dia.  

#Verdade ou #mentira?

*Enquanto a mulher estiver amamentando não há chances de engravidar.* 
Mentira. Embora a possibilidade engravidar possa estar reduzida por causa da amamentação, o risco existe, sim, e por isso a prevenção é necessária. 

*A mulher não pode lavar a cabeça nos primeiros dias após o parto.*
Mentira. Não há problema em lavar a cabeça e isso já pode ser feito no primeiro dia. 

*A queda de cabelo pode aumentar nesse período.
Verdade. O cabelo cai devido à alteração da taxa de alguns hormônios da mulher nessa fase. 

*relação a esforços físicos durante o puerpério*

A dor é o termômetro do esforço da mamãe. É a própria mulher quem vai impor o limite na sua vida diária. Normalmente, em 45 dias a mulher já faz os serviços de casa sem dificuldade. Exercícios físicos são proibidos. Nadar e caminhadas somente depois de 45 dias. Ginástica e corrida depois de 2 meses.

 *Quanto tempo esperar para ter relações sexuais?*                      Relações sexuais são contra-indicadas no primeiro mês. Os vasos do útero onde antes ficava a placenta estão abertos, como já comentado, e há risco de contaminação e infecção. O atrito do pênis durante a penetração também causa dor. O sexo deve começar devagar e gradualmente.


*Dicas*
Realize uma alimentação rica em fibras e líquidos para estimular o intestino e evitar gases. O motivo dos seios racharem e ficarem muito doloridos pode ser a pega errada do bebê. Peça orientação. 
Ficar triste e cansada é normal, mas se isso interferir no seu dia-a-dia e nos cuidados com o bebê, informe ao seu médico.
 Não tenha vergonha de pedir ajuda. Se for possível, peça ajuda a parentes ou amigos em relação às tarefas.


Postar um comentário